Póvoa de Lanhoso


 

     Estas terras são habitadas desde tempos imemoriais - pelo menos desde há três mil anos antes de Cristo, onde até hoje há vestígios desta ocupação.

     No acesso ao maior monólito de granito da Península Ibérica, encontra-se situado o Castelo de Lanhoso, que segundo as lendas locais, foi onde D. Afonso Henriques prendeu a própria mãe para se afirmar.

     Local onde o ouro se trabalha através da arte secular da filigrana, a Póvoa de Lanhoso tem ainda destaque para a sua gastronomia, onde reina o bacalhau na brasa com batatas a murro, o cabrito à S. José e o bife à Romaria, sempre acompanhados pelo vinho verde da região.

Como chegar:


     Se vem do Porto deve ir pela Auto-Estrada A3 (Porto - Valença) e após sair em Celeirós/ Braga Sul, tomar a direcção Braga – Sul.

     Em Braga, tome a Estrada Nacional 103 (Chaves), em direcção á Póvoa de Lanhoso.

     Vire á direita, para a Estrada Nacional 205 e siga a estrada até chegar á Póvoa de Lanhoso.

     Se vem de Guimarães, tome a Estrada Nacional 101, em direcção a Braga. Nas Taipas, vire à direita para as Caldas das Taipas. Finalmente, siga a Estrada Nacional 310 até chegar à Póvoa de Lanhoso.

 

 

 

 

 

 

Acesso a Outras Regiões

 

 

 

ANUNCIE O SEU
ESPAÇO

Saiba como podemos encontrar os convidados perfeitos para o seu negócio.